Revista Colaborativa Rio Claro Online Contato WhatsApp: +55 19 9 9801.7240 | 3597.0881 contato@rioclaroonline.com.br


1
16 de janeiro de 2019

Chuva forte causa estragos em Rio Claro no fim de semana


A chuva no sábado (12) durante o fim da tarde chegou de repente e provocou queda de energia, de árvores, alagamentos e outras ocorrências.

 

Na Avenida 7 com a Rua 3-A, um grande outdoor sustentado por vigas de ferro caiu e derrubou parte do muro de uma residência. “Eu não estava em casa, recebi a informação do que tinha acontecido, foi um susto”, relatou a moradora do local, onde placas foram colocadas temporariamente para substituir o muro.

 

CHUVA

 

A Defesa Civil informou que a chuva do sábado (12) foi de curta duração, porém, com forte intensidade, acompanhada de ventania e atingiu a quantidade de 21,2 milímetros.

 

Já no domingo (13), também forte, acompanhada de ventania e chegou a 35,8 milímetros.

 

DANOS

 

De acordo com levantamento da Defesa Civil, 14 árvores caíram com a ventania e foram cortadas pelo departamento.

 

A queda de uma delas foi em uma Praça do bairro Cidade Jardim. Na Rua 3-A, próximo ao paredão da antiga Fepasa, no bairro Vila Alemã, também houve registro de queda de árvore.

 

Também ocorreram cinco rompimentos de cabos de energia e duas vistorias de danos estruturais (queda de muro).

 

ALAGAMENTOS

 

Pontos já identificados também registraram alagamentos como a Avenida 16, no Jardim São Paulo, Avenida Rio Claro com a Rua 8, Avenida Presidente Kennedy e José Felício Castellano.

 

PREVISÃO

 

O órgão informou que a previsão do tempo para os próximos seis dias é de possibilidade de chuvas no final do período, alertando ainda que o verão é caracterizado por chuvas no fim de tarde.

 

RAIOS

 

A Defesa Civil de Rio Claro alerta:

 

– Em dias de tempestades as pessoas não devem sair de casa, e quando estiverem na rua, têm que buscar abrigo seguro (que são locais cobertos ex: lojas, postos de gasolina, shoppings, etc.).

 

– Não é recomendado as pessoas permanecerem debaixo de árvores, ou em ambientes descampados como: campos de futebol, pastagens, plantações, pois nos tornamos o ponto mais alto em relação ao solo;

 

– Também não recomendamos a permanência em piscinas, lagos, mares, visto que a água é condutora de energia.

 

 

Fonte: Diário do Rio Claro