Revista Colaborativa Rio Claro Online Contato WhatsApp: +55 19 9 9801.7240 | 3597.0881 contato@rioclaroonline.com.br


1
23 de outubro de 2017

Temer se diz vítima de conspiração e passa dia com funil de papel-alumínio na cabeça


O presidente Michel Temer escreveu uma carta aos deputados e senadores, em que se defende das acusações contra ele. Na carta, Temer diz aos parlamentares aliados e de oposição que é vítima de “uma campanha implacável com ataques torpes e mentirosos” e que há uma “conspiração” para derrubá-lo do cargo. Se o assunto conspiração já é um tema batido entre presidentes, uma vez que Lula dizia-se vítima de uma conspiração da “elite” e Dilma uma conspiração de “golpistas”, Temer foi além e passou o dia de ontem utilizando um funil de papel-alumínio na cabeça.

 

O chapéu de papel-alumínio, um clássico entre paranoicos e teóricos de conspirações, teve seu primeiro registro num conto norte-americano de 1927 e, desde então, é utilizado como forma de impedir um suposto controle mental realizado por satélites do governo.

 

Temer aproveitou o momento para explicar que ainda escreve cartas à mão para evitar que os satélites colham e alterem dados criptografados de coisas escritas através de aparelhos tecnológicos. Ele disse ainda que mandou retirar todos os microondas do Planalto e pediu que os brasileiros parem de usar o eletrodoméstico, já extraterrestres estariam utilizando as ondas do aparelho para se infiltrar na corrente sanguínea dos brasileiros, fazendo com que eles avaliem negativamente seu governo.

 

Fonte: Sensacionalista